segunda-feira, 8 de julho de 2013

noite fria

O frio dos meus pés
não é o mesmo frio
das minhas mãos.

O frio dos pés
traz-me saudade
dos teus chinelos.

O frio das mãos
é uma espécie de agonia
daquele tempo em que tinha
na ponta de cada dedo a tua alma.


2 comentários:

  1. esse frio é de uma tristeza tão bela que até o pulso para pra sentir.

    grande poeta, bj

    ResponderExcluir